Guia de Cozinha

Provavelmente você come churrasco com os seguintes acompanhamentos: arroz, mandioca cozida, pão de alho , queijo coalho, vinagrete, farofa e maionese. Mas será que você realmente sabe o que é vinagrete?

Prepare-se para evocar Maysa e dizer “meu mundo caiu”. Aproveite essas dicas e receitas pra lá de diferenciadas e surpreenda todas as pessoas no próximo churrasco. Você terá acompanhamentos simples e fáceis, com sabor e textura incríveis, parecendo de cardápio de restaurante. Confira!

Receitas de acompanhamentos diferentes para churrasco

Salada de melancia desidratada e acelga com vinagrete

vinagrete

Tempo: 30min. (+ 1h de forno para desidratar a melancia)
Rendimento: 6 porções de 150g
Dificuldade: fácil

Há muitos equívocos sobre vinagrete. Diferente do que todo mundo pensa, vinagrete não é uma salada de tomate, pepino e cebola. Vinagrete é uma emulsão fria de algum elemento ácido com algum tipo de gordura. Ou seja, vinagrete não é a salada em si, e sim o molho que irá temperar e dar construção de sabores na sua salada. Inclusive por isso o título da receita é “salada com vinagrete” e não “vinagrete de alguma coisa”. O molho vinagrete mais tradicional é de limão e azeite. Mas como a gente sempre busca inovar e trazer ideias diferentes, a emulsão desse vinagrete leva suco natural da polpa de maracujá, limão e azeite! A parte da salada também tem elementos nada convencionais, como a melancia desidratada, o conjunto de pimentas e acelga. Vamos para a receita?!

Ingredientes para o molho vinagrete

Para o vinagrete:

  • sumo de 1 limão
  • suco da polpa de 1 maracujá (bater o suco com pouca água, no máximo, 100mL de água filtrada)
  • raspas de limão siciliano
  • azeite até emulsionar o molho
  • sal a gosto

Para a salada:

  • pimentas picadas em cubinhos pequenos (1 cambuci e 1 dedo de moça)
  • 1 cebola média picada em cubinhos pequenos
  • quantas fatias desejar de melancia desidratada (fatias cortadas em até 4cm)
  • acelga rasgada ou fatiada (1 folha por pessoa)
  • salsinha e cebolinha picadas bem pequenas

Modo de preparo

Coloque suco do limão espremido e o suco do maracujá já coado em um bowl . Incorpore fio de azeite aos poucos e mexa sempre e sem parar até emulsionar, use um fuê (batedor de mão) para essa função. Você sabe que a mistura está emulsionada quando ganha um aspecto brilhoso e com uma certa maciez/cremosidade. Não é um molho super denso.

vinagrete

Adicione à mistura o sal, as raspas de limão, a cebolinha, a salsinha, a cebola e as pimentas — todos elementos já cortados — e reserve.

O aspecto visual e o corte interferem muito na experiência e no sabor, ainda que muitas pessoas acreditem que isso é bobagem…

vinagrete vinagrete

Enquanto a vinagrete incorpora todos os sabores, coloque as fatias de melancia em uma grade para desidratar no forno em 180ºC. Deve desidratar lentamente, para perder bastante água sem queimar.

vinagrete

Depois de desidratar a melancia, espere esfriar. Em uma tigela, coloque a acelga e a melancia desidratada. Sirva a salada e deixe o molho vinagrete para que cada um coloque em cima da salada no prato. Não é recomendado deixar o molho na salada inteira, porque ela perderá o frescor e murchará.

Farofa crocante

vinagrete

Tempo: 30min.
Rendimento: 750g
Dificuldade: fácil

Essa receita de farofa crocante não possui nada de origem animal e pode ser uma opção de farofa vegana. Já testei ela com outras farinhas, mas a que fica melhor realmente é a de milho flocada.

Ingredientes

  • 150 mL de óleo
  • 1 sachê de creme de cebola (65g ou 68g)
  • 1 pacote de proteína de soja texturizada (250g)
  • 1 pacote de farinha de milho em flocos (500g)

Modo de preparo

Em uma panela quente, no fogo médio, coloque o óleo para esquentar. Quando o óleo estiver quente, acrescente o creme de cebola e a soja. Mexa até tudo incorporar muito bem. Adicione a farinha de milho aos poucos e vá mexendo, até que não esteja mais oleoso. Desligue o fogo, tire a farofa da panela quente e coloque em uma vasilha seca e bastante aberta para arejar e fazer com que a farofa fique crocante.

rafaela rissoli rafaela rissoli

Depois de ficar em temperatura ambiente, você pode guardar a farofa em um pote com tampa fora da geladeira. Essa receita rende muito e dura muitos dias. Se você fizer quantidades menores, porcione corretamente os ingredientes para que não fique muito seca e nem muito salgada por causa do creme de cebola.

Maionese artesanal agridoce

rafaela rissoli

Tempo: 45min.
Rendimento: 600g
Dificuldade: fácil

Se você fizer essa maionese, você terá feito ela 100% artesanal e poderá impressionar quem você quiser! Essa maionese também é uma emulsão fria, com duas fontes de gordura (gemas e azeite ou óleo) e duas de acidez (mostarda e limão ou vinagre). Você pode usar só a maionese para pôr em lanches ou pode fazer essa “batatonese” para acompanhar seu churrasco e outras refeições!

Ingredientes

  • 3 gemas
  • 1 colher (sopa) de vinagre ou limão
  • 1/2 colher de mostarda
  • 200ml de azeite ou óleo
  • sal a gosto
  • 2 ovos cozidos bem picadinhos (opcional)
  • 1 alho poró picado
  • 4 fatias de abacaxi picadas
  • salsinha e cebolinha

Modo de preparo

Deixe as batatas já higienizadas e cortadas cozinhando em uma água com sal (salgada como a água do mar) e deixe cozinharem até ficarem al dente . Escorra a água quente e mergulhe as batatas em uma tigela com água bem gelada (se precisar, pode pôr gelo). Esse choque térmico irá interromper o cozimento, pois as batatas ficam extremamente quentes. Reserve na geladeira enquanto prepara o restante.

rafaela rissoli

Em um bowl , coloque as gemas, a mostarda, o limão e o sal. Mexa com um fuê até incorporar tudo. Depois disso, acrescente fios de azeite, aos poucos, mexendo sem parar até “montar” a maionese. Cuidado para não talhar a mistura!

rafaela rissoli rafaela rissoli rafaela rissoli rafaela rissoli

Maionese pronta! Agora pique os demais complementos (alho poró, abacaxi, ovos cozidos, salsinha e cebolinha) e adicione em sua maionese.

Misture tudo, inclusive a batata. Sua maionese está pronta para ser servida! Extremamente crocante e cremosa, com suculência e sabor agridoce, além de super refrescante! Adicione folhas de hortelã picadas se preferir!

rafaela rissoli rafaela rissoli


    Leia tudo sobre: Receitas

    Veja Também

      Mostrar mais