Nada como uma boa carne de sol para o almoço!
Reprodução/Deline
Nada como uma boa carne de sol para o almoço!


A carne de sol é mais uma das delícias nordestinas que é conhecida em todos os cantos do país. O nome faz jus ao alimento! Antigamente, ela era seca em casa mesmo, estendida por um varal e curada pelo sol. O iG Receitas te mostra como preparar o prato e mais sobre a história desse alimento tão rico. 



A técnica nasceu no sertão e é, basicamente, salgar alguma carne -- qualquer corte pode ser utilizado -- e levar para curar no sol. Esse processo aumenta o tempo de conservação do alimento, já que a carne fica desidratada.

Se antigamente precisava-se de um varal, hoje em dia, não mais! Atualmente, já não é preciso secar a carne ao sol, basta colocar bastante sal no corte e deixá-lo em um ambiente bem ventilado. O tempo de secagem pode demorar de horas até dias. 

Diferença entre a carne de sol, carne de charque e carne seca

A carne de sol é do Nordeste e a carne de charque, do Sul! Os processos são parecidos, mas o que muda é a quantidade de sal utilizada e o tempo de desidratação. A charque leva menos sal e fica menos tempo curando. Na charque também se usa cortes mais gordurosos.

Você viu?

Já a carne seca é a mais salgada de todas e também é típica do Norte e Nordeste. Ela também é a que tem a maior validade, devido ao seu processo de cura, que leva mais tempo. Cuidado ao consumir o alimento! É recomendado dessalgar a carne algumas horas antes de usá-la. 

Não é clichê falar que a carne de sol fica boa com tudo! Abóbora, mandioca, arroz, feijão tropeiro... você pode ser criativo e combinar vários acompanhamentos com a carne. Confira receitas com a carne de sol e se delicie! 

Minimoranga com carne de sol cremosa

Esta receita do blog Grand Cru vai dominar a sua mesa e combina com o almoço de domingo. 

Ingredientes:

  • 3 minimorangas
  • ½ tablete de caldo de legumes
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • ½ cebola picada
  • 300g de carne de sol dessalgada, cozida e desfiada
  • ½ tomate sem sementes picado
  • 2 colheres de sopa de cheiro-verde
  • 2 dentes de alho picadinhos
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • 3 colheres de sopa de requeijão
  • 4 colheres de sopa de creme de leite
  • 150g de mussarela ralada

Modo de preparo:

Abra o centro da moranga com o auxílio de uma faca pequena e retire todas as sementes. Tempere cada uma delas com caldo de legumes na parte interna. Coloque individualmente em um saco próprio para micro-ondas e leve ao forno de micro-ondas por 3 minutos. Reserve.

Para o recheio, refogue a cebola na manteiga. Junte a carne de sol, o tomate, o cheiro-verde, o alho, sal e pimenta-do-reino a gosto e refogue por mais alguns minutos. Adicione o requeijão e misture. Por fim, coloque o creme de leite incorporando bem e desligue o fogo.

Para a montagem, recheie cada uma das minimorangas com a carne de sol cremosa, cubra com mussarela e leve ao forno para gratinar (cerca de 10 minutos). Enfeite com cebolinha e sirva quente. Uma maravilha! 


Carne de sol com manteiga de garrafa

Nesta receita do Mestre Cuquinha, você vai precisar de poucos ingredientes que vão ser o suficiente para matar a sua fome! 

Ingredientes:

  • 1 kg de carne de sol (fresca) cortada em cubos
  • 1/2 xícara (chá) de óleo
  • 1 cebola grande cortada em rodelas finas
  • 2 dentes de alho picadinhos

Modo de preparo:

No óleo quente, coloque a carne para fritar, mexendo para que frite por igual. Enquanto isso, em uma panela já quente, passe a mandioca na manteiga de garrafa para esquentar e fritar até corar. Juntar a cebola e o alho na carne até dourar. Retire a carne e a mandioca. Arrume a carne e a mandioca em uma travessa, lado a lado. Servir a seguir. Vai um arroz aí?!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários