O caldo de quenga surgiu no norte de Minas e chama a atenção pelo nome exótico
TudoGostoso
O caldo de quenga surgiu no norte de Minas e chama a atenção pelo nome exótico


O nome exótico deste caldo pode causar estranhamento e risos, mas sua origem é bem simples. O caldo de quenga veio do norte de Minas Gerais, região de Salinas (capital nacional da cachaça) e é chamado assim porque o principal ingrediente é o frango desfiado, daí a relação com quenga, que quer dizer galinha/frango. 

Além de super saboroso, esse caldo é perfeito para aquecer os dias frios e o preparo é bem fácil. Acompanhe o passo a passo abaixo e garanta o seu caldo de quenga para hoje mesmo!

Ingredientes

Você viu?

  • 1 peito de frango
  • ½ kg de mandioca
  • ½ kg de mandioquinha
  • ½ kg de cenoura
  • 3 colheres (sopa) de cheiro-verde picado
  • 3 colheres (sopa) de bacon picado
  • 2 cebolas picadas
  • 5 dentes de alho
  • Noz-moscada a gosto
  • Pimenta a gosto
  • Sal a gosto
  • Orégano a gosto


Modo de preparo

Primeiro, coloque óleo em uma panela de pressão e refogue 1 cebola picada. Em seguida, adicione o peito de frango que pode estar inteiro ou cortado em pedaços (ele será desfiado depois). Acrescente a cenoura, a mandioquinha, a mandioca e os temperos a gosto (noz-moscada, sal, pimenta e orégano). Mexa tudo muito bem e despeje cerca de ½ litro de água (ou até que cubra tudo). Deixe na pressão em fogo médio por 30 minutos.

Após esse tempo, desligue o fogo e deixe a pressão sair sozinha. Tire o peito de frango da panela, desfie e reserve. Em um liquidificador, bata a mandioquinha junto com a mandioca, a cenoura e a água do cozimento. Reserve também. Em outra panela, doure o alho e a outra cebola. Adicione o bacon e frite bem. Em seguida, coloque o frango desfiado e refogue por alguns minutos. Despeje o creme batido, deixe ferver e, para finalizar, salpique o cheiro verde. Sirva a seguir.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários