O molho é fundamental para um bom prato de massa. É ele que agrega sabor ao prato. Por isso, pra fazer aquela massa caprichada nada de molho pronto. Aprenda os truque para fazer em casa um molho digno de cantina italiana em casa e não erre!

molho
shutterstock
Escolha o seu molho preferido e faça em casa


Desde o ponto até a combinação entre molhos e massas, vale a pena se inspirar com estas dicas deliciosas.


Para o molho de tomate, muito tempero!

molho de tomate
shutterstock
O molho de tomate caseiro deve ter uma boa dose de tempero!


Que tal fazer um molho de tomate caseiro?  Além de evitar molhos prontos e processados, é uma opção mais fresca e deliciosa. Segundo Clau Poiatti, o segredo está nos temperos. "Manjericão, alho, cebola e azeite não podem faltar na hora de fazer um bom molho de tomate. Assim ele fica com aquele toque de chef, como se fosse preparado em um restaurante'', diz Clau.

Já para o branco, ingredientes simples

molho branco
Divulgação
O molho branco, ou bechamel, é bem simples de fazer


O molho branco ou molho bechamel é uma base para outros, você pode adicionar queijo, brócolis e o que quiser. Mas basicamente o molho é feito com farinha, manteiga e leite, mas você deve ter cuidados para que não erre na proporção.

Cuidado com o fogo alto

fogo alto
Pixabay
Faça com calma o molho e em fogo baixo


Na hora de fazer qualquer molho, tome cuidado com o fogo alto. O molho pode queimar e fazer uma crosta desagradável de queimado. Clau indica pegar o molho e passar para outra panela, sem raspar o fundo para que não passe o sabor de queimado para o resto do molho.

Não deixe ralo e nem empelote o molho branco!

molho branco
shutterstock
O molho branco pode ficar ralo ou empelotar, mas é fácil resolver isso


Segundo o chef Mathias Marcondes, um dos pontos mais importantes é não tentar fazer a olho. "A proporção base é de 100 gramas de farinha e 100 gramas de manteiga para um litro de leite, assim a consistência fica ideal. Caso fique muito ralo após a fervura, uma possibilidade é ir adicionando aos poucos uma mistura de amido de milho e água", diz.

E se empelotar e ficar com pedacinhos de farinha, Mathias diz que o melhor é bater em um liquidificador ou até peneirar o molho, assim você tira os pedaços de farinha e tem uma base saborosa de molho.

Para o pesto, castanhas!

molho pesto
shutterstock
O molho pesto é o ingrediente que dá um sabor único


O molho pesto é um molho diferenciado e que tradicionalmente leva pinoli, um tipo de pinhão típico da Itália. Aqui no Brasil, você pode utilizar castanhas ou outras oleaginosas, como amendoim. Você pode utilizar em recheios de massas ou até com massas curtas.

Ok, mas e o molho madeira?

molho madeira
Arquivo
O molho madeira pode parecer complicado, mas é bem gostoso de fazer!


Ótimo para acompanhar carnes mais pesadas e assadas, também é uma ótima opção para frango e peixe. Uma dica é utilizar um bom caldo de carne, vinho seco e uma boa escolha de pimenta-do-reino. 

E qual molho combina com qual massa?

massa
Divulgação
Cada massa tem um tipo de molho ideal


Segundo especialistas da Vitarella, massas longas, como ninho e espaguete, são facilmente combinadas com o tradicional molho de tomate. Mas você pode variar apostando no molho pesto, por exemplo.

Massas curtas, como o parafuso, absorvem mais facilmente molhos mais consistentes, como o molho branco ou molho de queijos. Também são ideais para compor saladas nutritivas e bem saborosas, com o diferencial de serem mais simples de cozinhar.

Já as do tipo argola ou búzios, são perfeitas para compor sopas ou acompanhar molhos mais leves, compostos por vegetais. Além disso, podem complementar saladas. As massas cortadas e curtas, como o penne, têm uma composição mais consistente, podendo ser acompanhado por molhos de tomate mais densos ou mesmo carne, queijos e preparos cremosos. Aquelas que possuem a superfície riscada são excelentes para combinar com molhos à base de óleo.

Série "Não Erre"

As dicas e receitas para o preparo de molhos fazem parte de uma série publicada todas as quintas-feiras no iG Receitas, a "Não Erre". A ideia é dar dicas para acertar no preparo de pratos simples do nosso dia a dia, doces ou salgados. Veja o que já foi assunto da nossa série no infográfico abaixo: 


    Veja Também

      Mostrar mais