Saudades de um festival de comida japonesa, não é minha filha? Mas com essas dicas você mesmo vai fazer sushi, hot rolls e o que tem direito em casa. 

sashimi
Reprodução/freepik
Apesar dos restaurantes fechados, reproduzir um festival em casa está em alta


Para preparar os pratos, vale separar alguns itens, como uma faca bem afiada para cortar o peixe e aquela esteirinha para enrolar o sushi. Não tem esse item? Parta para o temaki, que é feito na mão mesmo. 


Segundo o chef e sócio dos restaurantes Mizuki (@mizuki_sushibr) e do Sush1, Fabrício Suzuki, ter uma peixaria de confiança também é importante para garantir um peixe de qualidade para seus pratos. "Mesmo assim, ao chegar em casa, limpe com um pano úmido tipo perflex a peça e verifique se há qualquer espinha ou sujeira", recomenda o profissional.

Peixe a postos? Fabrício e Márcio Okumura, chef do restaurante Okumura dão o passo o passo para o preparo de diversos pratos:

O corte para o sashimi

sashimi
iStock
O sashimi tem diversos cortes e deve ser feito com cuidado


Pensando no salmão, que é o peixe mais consumido no Brasil, Fabrício recomenda pegar uma peça ou banda e cortar horizontalmente em 2 ou 3 partes, para ter um pedaço do tamanho de uma palma aberta.

"Com uma das mãos, segure o peixe somente para apoiar e deite a faca a um ângulo de 30°. Corte o peixe em fatias sempre contra a fibra de mais ou menos meio centímetro com a faca própria para sashimi, chamada Yanagi, com a lâmina mais longa e fina", afirma o chef.

Como fazer sushi em casa

sushi
FreePik
Enrolar o sushi pode ser difícil, mas com o auxílio de uma esteira, você consegue enrolar!


Para enrolar o sushi você vai precisar de um sudarê, aquela esteirinha que dá suporte às peças. Separe alga, arroz e o recheio e enrole com a ajuda do sudarê. 

"Normalmente a largura da esteira tem quase a largura da alga nori. Espalhe sobre a alga o arroz temperado japonês, o Shari, com as pontas dos dedos até cobrir toda a alga. Cuidado para não deixar uma camada muito grossa", afirma o Fabrício. Depois, enrole e corte os sushis. 

Se a ideia é fazer uramaki, o sushi com o arroz por fora, inverta a ordem dos ingredientes. 

Temaki pode ser uma atividade em família

temaki
FreePik
O temaki é simples de enrolar e pode ser feito em família


Sushi é algo muito complicado? Invista no temaki. Segundo o chef do Okumura, o temaki pode ter um corte diferenciado, mais livre, além de poder ser enrolado de formas diferentes. "Até crianças podem fazer . Pode picotar o salmão ou cortar em cubos, é bem livre", afirma o chef.

Há dois tipos de temakis: o cone, mais famoso no Brasil, e o hand roll, que é um enrolado, mais próximo do formato do sushi. "Basicamente, você pega a alga com uma mão e umedece os dedos da outra. Coloca o arroz em metade dela, o recheio por cima, enrola e serve", afirma Márcio.


Fabrício dá mais dicas para quem quer acertar no cone. "No canto onde a alga estiver tocando o polegar não coloque arroz, deixe um espaço de um triângulo pequeno. Coloque os ingredientes na diagonal, no sentido do polegar onde tem o triângulo até o dedo mindinho. Começar a enrolar com a ponta oposta do triângulo sem o arroz, fazendo o movimento de enrolar, mas formando um triângulo como o formato do temaki", ensina.

E se ainda há dúvidas, Márcio tem um vídeo completo para você que quer fazer o próprio temaki em casa:


O hot roll também pode ser feito em casa

hot roll
FreePik
O hot roll pode ser frito tanto na farinha panko quanto em uma farinha para tempurá


Se conseguir fazer o sushi, o hot roll é apenas a fritura do enrolado do sushi. Márcio indica fazer o empanamento primeiro em uma massa que é uma mistura de água e farinha simples e depois na farinha panko, um tipo de farinha de rosca japonesa. Outro método é na farinha utilizada para tempurá.

Para fritar, qualquer óleo pode ser utilizado, desde que esteja bem quente. 

Yakissoba

yakissoba
Divulgação
Chefs ensinam truques para deixar o yakissoba mais saboroso

Se prefere um prato quente, como o yakisoba, o ideal é utilizar massas que são vendidas em mercados próprias para o preparo. Mas Márcio Okumura dá a dica: "Cozinhe a massa no caldo caseiro de legumes ou de frango, isso traz maior sabor para o prato". 

Fabrício Suzuki indica utilizar temperos como shoyu e óleo de gergelim para o  prato. "Sal, shoyu, óleo e cortes de legumes, carne e frango são perfeitos para o Yakisoba. Para dar o ponto consistente, utilize um pouco de amido", orienta o chef.






    Veja Também

      Mostrar mais