Tamanho do texto

Para fazer o pudim perfeito é fundamental assar em banho-maria e respeitar o tempo no forno e na geladeira; veja outras dicas de como fazer a sobremesa

Pudim de leite é aquela sobremesa boa para qualquer ocasião, já que agrada quase todos os gostos. No entanto, saber como fazer pudim é uma dúvida frequente, afinal, apesar de simples, a receita exige longo tempo de preparo.

Leia também: De leite, pão, com ou sem furinhos: 9 receitas de pudim para adoçar sua vida

pudim de leite
shutterstock
Apesar de ser uma sobremesa clássica, nem todos sabem como fazer pudim, já que exige algumas horas para ser preparado

Para te ajudar a não errar mais na receita clássica da sobremesa, conversamos com Miriam Chagas, culinarista de “Receitas Nestlé”, e pedimos algumas dicas de como fazer pudim de leite.

Esta é mais uma reportagem da série de dicas que publicamos toda quinta-feira de como não errar em pratos simples e clássicos. Relembre algumas:

Como fazer pudim

pudim
shutterstock/Reprodução
Assar em banho-maria e respeitar o tempo no forno e na geladeira é fundamental para fazer um pudim perfeito

A principal dica para a receita de pudim dar certo é prepará-lo em banho-maria. Dessa forma, ele vai assar de forma lenta e controlada, atingindo a textura ideal.

Com ou sem furinhos?

Algumas pessoas ficam em dúvida sobre fazer o pudim com ou sem furinhos . Não existe certo ou errado, já que é uma questão de gosto e depende de cada cozinheiro. Miriam explica que é a temperatura do forno que determina a presença ou não dos furinhos. “Para quem deseja um pudim com textura lisinha, sem furinhos, é preciso levá-lo ao forno a 180º, por 1h30. Já quem gosta do doce com furinhos, deve cozinhá-lo ao forno a 220º, também por 1h30”, orienta.

Sem cheiro de ovo

Em alguns casos, o pudim pode ficar com bastante cheiro de ovo, o que pode incomodar. Para evitar, é necessário bater a mistura por pelo menos um minuto no liquidificador. Assim, ela ficará bem homogênea e sem cheiro de ovo.

Para tirar da forma sem erros

“Para desenformar o pudim perfeitamente, tem que aquecer rapidamente o fundo da forma para a calda de caramelo ficar levemente mais fluida”, explica. Depois, com cuidado, passar uma faca sem ponta (para não deixar ranhuras) em toda a lateral. Incline a forma levemente, apoie a faca sobre o pudim, fazendo entrar um pouco de ar. Apoie a forma sobre um prato de bordas altas, para o caramelo não escorrer, vire de uma vez e retire a forma com cuidado.

A culinarista alerta que o material da assadeira pode ajudar ou atrapalhar no resultado final do pudim. Materiais maleáveis, como o silicone, por exemplo, devem ser evitados, pois o pudim é extremamente sensível e pode rachar.

Por fim, é importante respeitar o tempo no forno e na geladeira até que o pudim esteja no ponto certo para ser desenformado.

Queimou, e agora?

Se você queimou o pudim, não precisa se desesperar. Miriam dá duas sugestões para salvar o prato. “Uma delas é retirar a parte queimada e, com cuidado, transferir para pequenos potes e fazer um pudim de colher . Nesse caso, fazer uma receita de calda para colocar por cima desse pudim de pote”, sugere.

A segunda opção é fazer um bolo-pudim de pote . Em potinhos, colocar uma camada de bolo da preferência esfarelado e intercalar com um pouco de pudim.

Receita de pudim

pudim de leite
shutterstock

A receita leva até oito horas ser preparada e rende 16 porções. Clique e saiba como fazer pudim de leite condensado com calda de caramelo .