Tamanho do texto

O chef Zé Cozinha traz três receitas que traduzem a gastronomia de Portugal

Uma das melhores formas de se compreender um país é através da comida, capaz de apresentar toda uma cultura ao visitante. Um exemplo é a culinária portuguesa, que é muito tradicional. 

Prato com a bandeira de Portugal
shutterstock
A culinária portuguesa se destaca pela tradição e pelos sabores fortes

Leia também: Camarão, alho-poró e mais! Aprenda a fazer sete receitas de risoto

Os pratos da culinária portuguesa são, na maioria das vezes, feitos com ingredientes do mar e temperos marcantes. Os doces clássicos, que não faltam em nenhuma padaria portuguesa, também são características marcantes da gastronomia de Portugal.

Nascido no Brasil, mas radicado em Braga, na região norte de Portugal, o chef José Antonio de Freitas Pedroso, conhecido como Zé Cozinha, se identifica com a gastronomia contemporânea, sem deixar de lado a base tradicional de toda cozinha internacional.

Para contar a história com o paladar, Zé Cozinha destaca três receitas que proporcionam um menu português completo: rojões à moda minhota como entrada, o bacalhau com natas como o prato principal e o pão de ló de Ovar como a sobremesa.

Leia também: 3 receitas fáceis com queijo para você aproveitar a qualquer hora do dia

Rojões à moda minhota

Travessa com a carne de porco, taça de vinho e garrafa
Arquivo pessoal/Zé Cozinha

"Os rojões de carne de porco podem ser degustados como prato principal, mas normalmente são servidos como entradas. Geralmente, são acompanhados de boas fatias de pão e ficam ótimo com uma cerveja sour", explica o chef explica. Aprenda a fazer o prato .

Bacalhau com natas

Prato de bacalhau com natas
Arquivo pessoal/Zé Cozinha

"Apesar de ser um dos clássicos da gastronomia de Portugal , cada casa traz seu segredo para preparar um bom bacalhau com natas. O importante é o resultado trazer uma textura aveludada ao paladar. Fica ótimo acompanhado de um bom vinho verde", afirma o chef. Confira a receita completa  e aprenda a fazer na sua casa.

Pão de ló de Ovar

Pão de ló de Ovar
shutterstock

"Receita com denominação de origem protegida devido à fama e tradição, o Pão de Ló de Ovar é consumido no país todo. A história conta que a receita foi trazida por uma freira de algum familiar ou amigo residente em Ovar", conta Zé Cozinha. O doce tem o formato de uma broa, de massa muito leve e fofa. Veja o passo a passo dessa sobremesa.

Leia também: Crème brûlée? Ceviche? Saiba como descomplicar receitas difíceis

Para Zé Cozinha, que é apaixonado pela  culinária portuguesa , a comida tem que ter história. “Toda receita, todo ingrediente, toda forma de lidar com o que colocamos no prato é uma história contada por alguém. Fez parte da cultura e da vida de outra pessoa. Cada prato tem uma história por trás”, afirma.

    Leia tudo sobre: Receitas