O corte é muito popular no Brasil, o segundo mais consumido nos churrascos, depois da picanha, e com melhor custo benefício, já que é mais barato. No açougue Feed, por exemplo, a peça de 700g sai por menos de R$ 56

A criação do nome Fraldinha para o corte, que está localizado entre a parte traseira e a costela do animal, é atribuída a Marcos Bassi, um dos maiores especialistas em carne do País. Ela também é conhecida como bife do vazio ou apenas vazio.

Fraldinha com Farofa Firenza
Márcio Valenti - Divulgação
Fraldinha com Farofa Firenza


 O corte de fraldinha   é macio e suculento quando feito corretamente porque é constituído, basicamente, de carne com fibras mais grossas e alongadas. Por ter espessura fina, existe um risco muito grande de a carne passar do ponto e ficar seca. Por isso, tome alguns cuidados básicos no momento do preparo, como ficar atento ao fogo.

Veja Também: Picanha Secreta

  • Sanfona com alecrim

Para evitar surpresas desagradáveis, uma dica importante é fazer uma sanfona com a fraldinha, prendendo com galhos de alecrim, facilmente encontrados nos mercados. Assim, é possível evitar o contato direto de algumas partes da carne com o fogo. Dobre a peça e espete o galho, que, além de facilitar o preparo, confere um aroma especial ao churrasco. 

  • Reação de Maillard 

Uma boa opção é passar azeite antes de levar a  carne  ao fogo para que não grude na grelha e ajude a soltar o sabor do alecrim na fraldinha. O óleo também ajuda a fazer a marca da Reação de Maillard na carne, reação química que confere o aspecto dourado dos alimentos após assado, realçando a beleza e o sabor.

Veja Também: Bife de Ancho - Uma alternativa para o churrasco

  • Como cortar

Após retirar a fraldinha da grelha, deixa a peça descansar por 3 minutos. Retire o alecrim e corte, primeiramente, fatias a favor da fibra. Depois, faça fatias menores no sentido contrário à fibra. Isso facilita a mastigação e deixa os pedaços perfeitamente macios. 

  • Farofa Firenze

Para acompanhar, o nosso convidado da vez, o churrasqueiro profissional João Paulo Oliveira, do perfil Churrascoterapia, ensina a fazer uma farofa original e surpreendente, chamada de Farofa Firenze. O nome para o acompanhamento foi dado devido aos ingredientes utilizados, como bacon, cebola, ovo, salsinha e cebolinha. A gordura saborosa do bacon com acréscimo de manteiga dá um toque todo especial para a farofa, que deve ficar bem molhadinha.

Veja Também: Conheça o Dry Aged e aprenda a preparar essa delícia!

  • Faça a carne por último

 Atenção: deixe a fraldinha para fazer por último, com a farofa já pronta. Isso porque a carne assa muito rapidamente e ninguém quer comê-la fria, certo?

 E outro detalhe: o sal só entra por último, quando a fraldinha já estiver pronta. Existe uma certa controvérsia em torno do assunto, alguns dizem que o sal promove a desidratação da carne, outros dizem que não. Mas a técnica de salgar a  carne  após assar é utilizada por muitos profissionais da cozinha e da brasa. É melhor seguir a dica dos chefs, né? Eles costumam saber o que fazem! 

 *Valor relativo a Agosto de 2018 e sujeito a alterações. Agora vamos aprender o preparo completo da fraldinha no video... bom apetite!

$


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.