Tamanho do texto

O final de nossa jornada pela grande bota é uma ilha localizada no extremo sul do país, rodeada pelos mares Tirreno e Mediterrâneo, com mais de 22 km quadrados, detentora de terrenos montanhosos, solos pobres e insolação constante... Seja bem vindo à Sicília

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=comida%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237535090576&_c_=MiGComponente_C

Ela sempre produziu vinho, isso é um fato incontestável. Porém, encontra-se numa situação antagônica , tendo de um lado vinhos medíocres e de outro, muitos de grande categoria e personalidade. Estes rótulos somente foram possíveis após um movimento que envolveu os principais produtores da região, em busca de qualidade.

Podemos dizer que, hoje, uma parcela os vinhos sicilianos conseguiram se tornar fascinantes e possuem algo totalmente diferente do convencional.

Existem castas típicas deste local que não se vê em nenhum outro do mundo ¿ pelo menos nada expressivo ¿ como a Nero DAvola¹ , Nerello Mascalese , Nerello Cappuccio , Catarrato, Grecânico , etc, responsáveis por estilos interessantíssimos.

A DOC Etna apresenta-se através de vinhos bastante minerais, devido ao solo composto por propriedades vulcânicas, dada a proximidade com o vulcão que lhe empresta o nome.

Seus vinhos mais famosos são o MARSALA (doce e fortificado); o Passito de Pantelleria (doce de uvas passificadas) e o Malvasia delle Lipari . É difícil um apreciador de vinho dizer que gosta mais ou menos do que é feito na Sicília, pois aqui cabe a frase ame-o ou deixe-o.

A mineralidade, o estilo único e a complexidade encontrada em varietais da Nero DAvola ou de um belo assemblage² de Nerello Mascalese com Nerello Cappuccio , tornam esses vinhos um desafio. Vale, como sempre, ficar de olho no produtor e pesquisar aqueles que possuam uma história de seriedade e empenho no mundo do vinho, para não se decepcionar.

De norte a sul, a Itália se desdobra em paisagens divinas, tradição e modernidade, alta gastronomia e, sobretudo, em vinhos que fazem o mundo inteiro se render aos seus encantos.

DICAS : Santagostino Bianco (Produtor: Firriato ¿ Branco); Etna Rosso (Produtor: Firriato ¿ Tinto); Coste di Mueggen Passito di Pantelleria (Produtor: Benanti ¿ Branco Doce).

¹ Mais conhecida como Calabrese
² Vinhos feito com mais de uma uva


NOTA: Agora em outubro, Marcelo Toledo assume a posição de CEO da Miolo Wine Group (conglomerado que corresponde a Vinícola Miolo, Lovara, Fortaleza do Seival, Vinícola Ouro Verde, além da comercialização de produtos da Osborne e alianças estratégicas com as vinícolas Via Sul no Chile e Los Nevados na Argentina para distribuição de produtos).

Diz ele: Durante o meu processo de contratação, fui tendo contato com pessoas fantásticas e com uma estrutura que nunca imaginei existir. Como muitos de nós, amantes do vinho, eu era um tremendo preconceituoso com relação ao vinho nacional. Foram necessárias somente algumas degustações para remover estas barreiras, pois ao conhecer o cuidado, o carinho e a paixão com que estes artistas fazem os produtos da Miolo Wine Grop, me apaixonei completamente por este projeto, por esta nova aventura.

Parabéns Marcelo, o mundo do vinho está ansioso e no aguardo de novidades!

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.