Tamanho do texto

A Itália é conhecida pela enorme diversidade de vinhos que produz, sobretudo nos vinhos de sobremesa

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=comida%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237535085832&_c_=MiGComponente_C

Dois dos maiores e mais badalados são o Verduzzo di Ramandolo e o Picolit originários do Friuli . Cravada na ponta nordeste do país, essa região ascendeu a um status de respeito internacional em menos de duas décadas, feito que nenhuma outra conquistou de modo tão rápido.

Cortado ao norte pelos Alpes, de clima setentrional e influências alemãs, austríacas, suíças e eslovenas, o Friuli possui vinhedos reunidos basicamente em planícies na parte sul. Seu relevo faz com que a junção de montanhas e mar ocasione noites frias e dias quentes, configurando o cenário ideal para o bom desenvolvimento e perfeita maturação das uvas.

Por vezes caracterizada como uma das regiões mais ambiciosas do país, o Friuli é o berço de vinhos brancos vigorosos, intensos. De vinhos doces memoráveis, raros, caros, também é onde se encontra tintos maravilhosos produzidos com uvas pouco conhecidas em outros lugares do mundo, como a Refosco, a Schioppettino e a Tazzelenghe.

É um dos maiores viveiros de parreiras da Europa, sendo responsável por pelo menos 50% das parreiras de Pinot Grigio, Chardonnay, Sauvignon Blanc, Pinot Bianco, entre outras encontradas por toda a Itália.

Curiosidade : o nome Friuli-Venezia Giulia se dá pois no passado Friuli e Venezia Giulia eram duas regiões distintas. De Acordo com Burton Anderson em The Wine Atlas of Italy, Venezia Giulia refere-se a Julio Cesar, sendo que o mesmo acontece com Friuli, do latino Julii. Provavelmente ele deve ter sido um apaixonado pelos vinhos e pela beleza desses locais, hoje unificados reverenciados pelos excepcionais vinhos que origina com sua criatividade impar.

Um local pouco conhecido e fora do eixo turístico que merece total atenção, principalmente, dos apreciadores de vinho. Aliás, esse é um dos temas que costuma fazer parte de nossas degustações orientadas e, se você tem interesse, pode se cadastrar pelo site www.toutduvin.com.br para participar apreciando de perto algumas delícias friulanas.

DICAS : Flors di Uis (Produtor: Vie di Romans. Branco.Uvas: Tocai, Riesling e Malvasia); Pinot Grigio Colli Orientali (Produtor: Lívio Felluga. Branco. Uva: Pinot Grigio) e Di Lenardo Ronco Nolé (Produtor: Di Lenardo Vineyards. Tinto. Uvas: Cabernet Sauvignon, Merlot e Refosco).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.