Tamanho do texto

O friozinho chega e já bate aquela vontade de comer fondue, chocolates, massas e outra comidas mais gordurosas. O aumento do apetite por esse tipo de alimento nos dias frios tem explicação! Com a temperatura mais baixa, nosso corpo precisa de mais calorias para manter a temperatura normal, entre 36°C e 37°C

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=comida%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237535033218&_c_=MiGComponente_C

De acordo com a nutricionista Daniella Pagani, a conseqüência disso tudo é que sentimos mais fome. Por isso, tendemos a comer mais e procurar alimentos mais calóricos. No inverno, cerca de 80% das pessoas ganham um ou dois quilos.

Para que isso não ocorra, a endocrinologista Josefina Matiele recomenda uma alimentação balanceada que combine carboidrato, verdura e proteína. E fique atenta também com as bebidas: nessa época, muitas pessoas se esquecem de ingerir líquidos. No inverno, o corpo perde cerca de 1,5 litro de água por dia pela respiração e pela pele, portanto, hidrate-se! E fique atenta às dicas abaixo.

Coma bastante frutas como banana, maçã, laranja . Elas são ricas em vitaminas e minerais, essenciais para combater gripes e resfriados, comuns nessa época.

Acrescente fibras, como o farelo de trigo ou aveia , nas refeições. Além de provocar uma sensação de saciedade, as fibras regulam a função intestinal e mantêm o colesterol.

Prefira sopas de legumes e hortaliças , como brócolis, que além de aquecer o corpo são ricos em vitaminas e minerais antioxidantes que reforçam as defesas do organismo.

Consuma de 150 a 200 gramas de carne por refeição . Prefira as carnes magras, como frango ou peixe.

O chá é um ótimo aliado! O ideal são os de ervas ou de frutas secas como maçã, maracujá e laranja, por exemplo.

Use azeite de oliva . Aumenta o sabor e tem um menor valor calórico.

Prefira as massas com molhos magros , como o de tomate. Saciam a fome e não têm tantas calorias.

Tempere os alimentos com bastante alho e cebola . Além do gostinho especial, esses ingredientes ajudam a combater problemas respiratórios.

Além das frutas, repolho e pimentão verde são uma boa fonte de vitamina C, que auxilia na resistência às infecções.

Troque o molho branco pelo vermelho .

Coma moderadamente chocolates, frutas oleaginosas (nozes, castanhas), creme de leite, queijos amarelos e manteiga .

É importante cuidar da alimentação durante o inverno e não exagerar no consumo de massas, doces e bebidas para compensar o apetite aumentado. Uma boa seleção de alimentos pode suprir as necessidades maiores de calorias sem levar a um aumento de peso.


Leia mais sobre: alimentação

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.