Tamanho do texto

Conheça os pratos típicos do país, curiosidades e um pouco de sua história culinária

Vizinha de países com forte tradição gastronômica (Alemanha, França, Itália e Áustria), a Suíça não poderia deixar de ter uma diversidade culinária tão marcante. Sorte de quem consegue conhecer o país e desfrutar das delícias.

Logo de imediato, a palavra fondue aparece na mente. Preparado à base de queijo emmenthal ou gruyère colocado em panela (coquelon) aquecida por um pequeno fogareiro, a comida reúne familiares e amigos ao redor da mesa. Basta espetar um pedacinho de pão ao garfo e mergulhá-lo na mistura de queijos.

Outro prato indispensável em meio ao frio do país é a raclette : fatias de queijo colocadas em aparelho especial (ou grelhadas em fogo à lenha) servidas com batatas cozidas com casca e conserva de pepinos.

Apesar de soar como glamourosa, a cozinha do interior da Suíça é rústica e com forte tradição camponesa. Influenciados pela Alemanha, os pratos consistem em embutidos, ensopados, assados de porco e salsichas, como o kalbbratwurst (salsichão de vitela).

Mas não só comidas quentes e pesadas são tradicionais no cardápio suíço. A parmesankörbchen , uma mistura de queijo parmesão, farinha de milho, de trigo e variada salada de verduras foi trazida pelos italianos e consolidada no país dos Alpes.

Para os amantes de chocolate , o lugar é um paraíso. Com produção muito elaborada e cuidadosa, os suíços fazem um dos melhores chocolates do mundo. Não é a toa que é de lá o recorde de consumo per capita: mais de 10 kg por habitante, ao ano.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.