Tamanho do texto

O layout inovador permite que gordura seja armazenada em um recipiente e os espetos girem automaticamente

Já imaginou fazer um churrasco  sem fumaça? Reunir a família e os amigos para assar uma carne é muito bom, mas só de pensar que a roupa, o cabelo e o ambiente todo vão ficar com aquele cheiro, já bate um desânimo. Para solucionar o problema, o baiano João Junior teve a ideia de criar uma “churrasqueira sem fumaça”.

Churrasqueira assa espetinhos sem fazer fumaça
Pinterest
Churrasqueira assa espetinhos sem fazer fumaça


“Desde criança eu adoro espetinho, mas não gostava da fumaceira que fazia na hora de assar. Então um dia eu pensei: por que não acabar com essa fumaça? Aí surgiu a ideia”, conta João ao Receitas. Outro benefício da invenção é que os espetinhos não precisam ser monitorados, já que a churrasqueira tem um mecanismo em que os espetos ficam girando automaticamente, para serem assados de todos os lados.

Causa da fumaça

João percebeu que o que causava a fumaça era a gordura pingando no carvão, então ele criou uma nova estrutura. O formato é circular, a câmera de assamento (onde é depositado o carvão) fica no centro e os espetinhos ficam girando nas laterais. Dessa forma, a carne assa de maneira homogênea e as gorduras e líquidos caem direto em um recipiente próprio para armazená-los.

"Minha ideia partiu do pressuposto de que se conseguisse colocar o carvão ou qualquer queimador em pé, poderia eliminar as chamas e, por tabela, a fumaça causada pelos pingos de gordura e líquidos sobre o carvão”, explica João.

O projeto possui câmera de assamento no centro e espetinhos ficam girando nas laterais
Arquivo pessoal
O projeto possui câmera de assamento no centro e espetinhos ficam girando nas laterais


Estrutura e poluição

Originalmente, a churrasqueira possui um formato redondo, mas pode ser produzida nas formas quadricular e triangular e possui três opções de assamento: a gás , resistência elétrica e carvão .

Outra preocupação do inventor era diminuir a emissão de gases poluentes ao meio-ambiente. “O carvão causa muitos danos à natureza, mas eu acho que a carne ficar mais gostosa assada dessa forma, então busquei um jeito de poluir menos”, diz.

Sucesso

Segundo o inventor, além dos espetinhos convencionais , é possível assar qualquer tipo de carne, linguiça e frango que possa ser espetado nos porta-espetos acoplados à churrasqueira.

João fala que tem certeza que a invenção será um sucesso. “Com essa churrasqueira quebraria o tabu de não poder comercializar espetinhos em locais fechados, como shoppings. O meu invento pode revolucionar o comércio de espetinhos", aposta.

+ Cardápio de domingo: churrasco

Registro

A churrasqueira sem fumaça foi registrada no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) e, agora, João procura por investidores para produzir e comercializar a invenção. Ele cogita a hipótese de vender a patente ou licencia-la. E você, compraria um produto desses?

    Leia tudo sobre: receitas
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.