Tamanho do texto

Doces receitas para animar seu arraiá (ou qualquer ocasião)

As festas juninas movimentam algumas cidades do Nordeste quase tanto quanto o Natal. Fogueiras, bandeirinhas coloridas, chapéu de palha são parte da alegria. Outra parte fica sobre a mesa: os bolos. De milho, macaxeira (ou aipim, ou mandioca) e o chamado pé de moleque, feito com castanha de caju, perfumam os festejos da região. No cardápio pernambucano , além dessas, ainda há uma receita exclusiva. “Não tem arraiá no Estado sem bolo Souza Leão ”, diz Izabel Dias, da Casa dos Frios , empresa recifense campeã na confecção de bolos de rolo .

CURTA O IG COMIDA NO FACEBOOK E SIGA NO TWITTER

A quituteira preparou os quatros bolos para o iG Receitas . “O de milho é tão pratico que dá para fazer de manhã e servir no café”, afirma Izabel. Derreter um naco de manteiga ou requeijão no doce ainda quentinho é sugestão para deixar a receita ainda mais nordestina. “Com queijo coalho grelhado também fica muito bom”, diz.

VEJA MAIS: FESTA JUNINA EM CASA
E TAMBÉM: APRENDA A FAZER QUEIJO COALHO NO ESPETO 

O de macaxeira também é bem fácil. Os outros são um pouco mais trabalhosos, mas não têm mistério. “A dica importante na receita do pé de moleque é misturar a castanha moída à massa com as mãos”, diz Izabel. Depois, é só controlar o cozimento com o bom e velho palitinho das vovós e encher a casa de alegria. “A gente tem um tempo de cocção aproximado, mas cada forno se comporta de um jeito.”

RECEITAS
BOLO DE MILHO
BOLO DE MACAXEIRA
BOLO SOUZA LEÃO
BOLO PÉ DE MOLEQUE 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.