Tamanho do texto

Confira a disputada receita de Geovane Carneiro, subchef de Alex Atala, servida todos os sábados no restaurante Dalva e Dito

Perdeu a galinhada na Virada Cultural? O iG dá a receita para você fazer em casa
Divulgação
Perdeu a galinhada na Virada Cultural? O iG dá a receita para você fazer em casa
A galinhada de Alex Atala, servida gratuitamente durante a Virada Cultural, em São Paulo, na madrugada de sábado para domingo, deu o que falar. Cerca de 5.000 pessoas disputaram os 500 pratos preparados pela equipe do chef dos restaurantes paulistanos Dalva e Dito e D.O.M.-- este último eleito recemente pelo júri internacional da revista britânica Restaurant Magazine o 4° melhor do mundo -- como galos de rinha. Isso somado à falta de luz, que fez o serviço atrasar cerca de 1 hora, causou tumulto.

CURTA O IG COMIDA NO FACEBOOK E SIGA NO TWITTER

Mas nada de pânico. Quem quiser provar a receita -- que, na verdade, é do subchef de Atala, Geovane Carneiro -- basta conferir o preparo iG Receitas . Os mais animados, podem ainda visitar o Dalva e Dito aos sábados, depois da meia-noite, e provar o quitute por R$ 39 (valor que pode subir para R$ 59 de acordo com a atração musical da noite). Ela é servida em sistema de bufê, dentro da cozinha do restaurante, em clima de festa.

VEJA AQUI A RECEITA DA GALINHADA DO DALVA E DITO

LEIA TAMBÉM:

'Alta gastronomia nunca vai ser evento de massa', diz secretário da Cultura, sobre galinhada na Virada

D.O.M. é o quarto melhor restaurante do mundo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.